Não me quero esquecer

Todos os dias tenho medo de me esquecer destes momentos. Tenho medo que a vida passe depressa demais e que leve com ela as memórias que vamos criando juntos.

Dentro de nove dias o S. vai fazer um ano. Quando olho para as fotos dos primeiros dias interrogo-me: A sério que ele era assim tão pequeno?

Não me quero esquecer deste cheiro, dos bracinhos à volta do meu pescoço, das gargalhadas, das birras e dos choros, da expressão a provar um alimento novo, da desarrumação constante em casa, da roupa deixar de servir de um dia para o outro, dos dentinhos a nascerem, das fraldas mal-cheirosas, dos dias que mudaram os nossos dias para sempre.

Todos os dias tenho saudades de todos os dias que passam.

 

Anúncios

2 thoughts on “Não me quero esquecer

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s