O vírus da maternidade

Quando estava grávida, passava a vida a pedir ao Z. que nunca me deixasse ser daquelas mães que passam a vida a falar dos filhos. Obriguei-o a prometer que não iríamos passar a vida a falar dele e que ele me dissesse quando me estava a esticar.

Claramente, existe um antes e um depois de se ter um filho.

Hoje em dia uma grande parte das nossas conversas são sobre o pequenino e acabei a escrever um blogue, por isso, está claro que muita coisa mudou desde a gravidez.

Posso não estar a falar sempre dele mas estou, com toda a certeza, sempre a pensar nele.

Quem mais sofre deste vírus da maternidade?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s