Todas as mães deviam saber

Se existe palavra mais destruidora da auto-estima, de qualquer mãe ou pai, é sem dúvida o verbo ‘Dever’.

Basta abrir qualquer livro, página web ou fórum de discussão relacionado com gravidez e maternidade para ver frases deste género:

No segundo trimestre, seu apetite deve ficar igual ao que era. O IMC pré-gravidez determina o quanto você deve engordar. Se está grávida, saiba como deve viver os meses que antecedem o momento do parto. O leite materno deve ser o único alimento do bebé durante os seis primeiros meses de vida. Por volta dos 9 meses o bebé deve já dormir a noite toda.

Ora bem, ‘Dever’, esse verbo que é atirado a torto e a direito na informação direccionada à maternidade, além de ser cruel, faz com que os pais se questionem constantemente sobre tudo.

Vamos lá parar para analisar.

de·ver 
(latim debeo, -ere)

verbo transitivo

1. Estar obrigado a.

2. Ser necessário.

3. Ter de suceder.

Não acham completamente angustiante, que segundo os livros, os nossos bebés sejam ‘obrigados a’ comer, dormir, crescer e desenvolverem-se segundo os parâmetros estipulados?
Informação, uma linha orientadora, não são, nem devem ser ‘obrigatórios’.
Se existe coisa que as mães ‘deviam’ saber é que todos os bebés são únicos. Basta ouvir. (E respirar.)
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s